[ editar artigo]

PERSONAL, QUEM DEVE PAGAR A TAXA?

PERSONAL, QUEM DEVE PAGAR A TAXA?

 

Olá Personal Trainers, seguimos com os conteúdos aqui para o portal e hoje com um tema polêmico na nossa rotina de trabalho.

A famosa taxa cobrada pela academia, quem deve pagar?

Essa semana mesmo, uma cliente estava indignada, dizendo que não treinava com Personal porque a "taxa" cobrada pela academia era muito alta.

E agora, quem está certo?

1- A cliente, por sentir que já paga a academia e o Personal, e ainda teria que pagar uma taxa para utilizar o estabelecimento?

ou

2- A academia, afinal tem uma série de custos como despesas com luz, água, internet, manutenção de equipamentos e outros, que se faz necessário então, cobrar um valor (X) para que um terceiro (Personal), possa usufruir do espaço e atender um cliente do estabelecimento;

ou

3- O Personal, que repassa o valor cobrado da taxa. Afinal, ele tem uma série de custos como: emitir nota fiscal de seus serviços,  investir em cursos ou pós graduação ao longo do ano, comprar uniformes, suplementos, deslocamento, e o uso da academia para treinar.

Parece que nessa briga, o único "lesado" realmente é o cliente final.

Nos meus 20 anos ministrando aulas dentro e fora das academias, nunca fui contra a cobrança da taxa. Entendo que abrir e manter um estabelecimento tem seus custos e nada mais justo que cobrar um valor simbólico para a utilização temporária do espaço.

Porém, para muitas academias isso parece ser mais uma fonte de renda ou uma forma de trazer e manter novos clientes para o lugar, quando há uma parceria junto com os Personais.

Na minha opinião, o Personal se desvaloriza ao falar e repassar a taxa cobrada pela academia ao seu cliente, sabe porquê? 

Imagine que você vai a um restaurante e escolhe:

1- a mesa onde vai sentar, bem próximo do pianista tocando aquela música de fundo;

2- pega aquele vinho que você trouxe na ultima viagem e não paga a rolha;

3- na hora de escolher o prato existe 2 opções: com o cozinheiro do restaurante que custa X e outra que você pode trazer o seu cozinheiro mas vai custar Y;

Faz sentindo, é a mesma coisa, isso é regra de mercado!

Cada empresa tem a sua política e fica a critério de cada profissional aceitar ou se adaptar as regras do jogo. E tem mais, imagine sua mãe em um hospital, prestes a ser operada, e você diz: "eu não quero pagar as taxas cobradas por cada dia da UTI." E aí? 

Pela mudança nos dias de hoje, em relação ao número e tipos de academias que abrem a cada ano, o modelo atual parece não ser tão sustentável. O que também precisa mudar a meu ver, é a mentalidade do Personal em pensar no seu negócio como uma empresa, e não a se limitar em dar aula. 

Um forte abraço e até a próxima!

 

 

 

 

Interação Fitness
ANDRE HAUER
ANDRE HAUER Seguir

Educador Físico, Mestre em Exercício e Saúde pela FMH Portugal, eleito entre os 10 melhores treinadores do Brasil em 2016 pela WTTC; Especializado em atender pessoas que não praticam exercícios regularmente CREF 7530-G/PR

Ler matéria completa
Indicados para você