[ editar artigo]

Cervicobraquialgia: O que é, e como tratar?

Cervicobraquialgia: O que é, e como tratar?

Cervicobraquialgia. O nome já assusta, mas calma, é algo bem comum. Ela é nada mais que uma inflamação causada por esforço excessivo na nossa coluna cervical. Você sente dor no pescoço e formigamento no braço? Então fique atento, esses podem ser sintomas do problema. 

A cervicobraquialgia é caracterizada por dor na região posterior do pescoço, irradiando para braços e, eventualmente, cabeça e costas. Habitualmente, a dor irradia para apenas um lado do corpo, afetando todo ou parte do membro. A dor também pode estar associada a formigamento, fraqueza e limitação de mobilidade.

Há muitas causas para cervicobraquialgia, entre elas, a compressão de um nervo na região cervical por hérnia de disco. Porém, esportes que exigem mais da articulação do ombro, como vôlei, natação, CrossFit, levantamento de peso olímpico, etc, podem levar à sobrecarga de tendões do manguito rotador, que por vezes simula o quadro de cervicobraquialgia.

Para realizar o diagnóstico correto da cervicobraquialgia é necessário uma consulta médica. A avaliação consiste inicialmente em anamnese (entrevista para análise do histórico clinico) e exame físico. Em alguns casos, exames complementares - como radiografias e ressonância magnética - também são utilizados na investigação.

O tratamento deve ser individualizado, variando conforme a causa, as características do atleta e do esporte praticado. Em situações de hérnia de disco cervical, por exemplo, o tratamento conservador (medicação, repouso relativo e reabilitação física) apresenta elevada taxa de sucesso, reservando o tratamento cirúrgico para situações especiais. A prevenção, extremamente importante, consiste em hábitos esportivos de alongamento, reforço muscular e técnica adequada.

Lembre-se: em caso de suspeita, procure um médico. Não realize a auto medicação. 

Grande abraço!! 

 

Interação Fitness
Antonio Krieger
Antonio Krieger Seguir

Médico ortopedista, especialização em Cirurgia da Coluna e Mestrado em Cirurgia. Atua na área de cirurgia minimamente invasiva e reabilitação de atletas. Praticante de CrossFit há 6 anos, certificado CF L1 e membro da comunidade CrossFit Health.

Ler matéria completa
Indicados para você