[ editar artigo]

Mercado fitness: o que apostar e o que evitar em 2018

Mercado fitness: o que apostar e o que evitar em 2018

O American College of Sports Medicine (ACSM) foi uma das primeiras organizações a avaliar as tendências para este ano. Foram mais de 4.000 profissionais abordados, entre conversas e entrevistas, para chegar à lista das maiores tendências do mundo fitness em 2018.

No geral, exercícios on demand (streaming) e atividades de nicho (incluindo boxe e kickboxing) também estão entre as melhores opções para se investir. Se o seu negócio fitness ainda não oferece esse tipo de alternativa aos clientes, pode ser o momento de repensar a estratégia.

Pronto para melhorar a academia ou abrir o seu primeiro negócio Health & Fitness?

Selecionamos algumas das áreas mais promissoras do mercado fitness em 2018 para inspirar sua jornada! Vamos lá?

1 – Treino HIIT

O treinamento de intervalo de alta intensidade (ou HIIT) assumiu o primeiro lugar na pesquisa deste ano (também foi o número um em 2014). Uma sessão de treinamento HIIT envolve picos de esforço máximo, algo alcançado entre 20 e 90 segundos, seguido de um período de recuperação de baixa intensidade. O objetivo é recuperar bem e de maneira satisfatória, retomando a sequência de exercícios no próximo intervalo.

Os treinos HIIT geralmente duram 30 minutos ou menos, embora possam ser mais longos. Como o nome sugere, os exercícios HIIT são projetados para ser de alta intensidade, e uma grande parte do apelo é que eles são uma maneira incrivelmente eficiente e efetiva de melhorar o condicionamento cardiorrespiratório, além de queimar muitas calorias. E o melhor: tudo isso num curto espaço de tempo.

Para aproveitar esta onda, nossa sugestão é planejar aulas especiais - até mesmo para testar a adesão do seu público. Uma vez que a novidade seja bem recebida, você pode começar a pensar em agregar o HIIT como aula fixa na programação do seu negócio! 

2 - Tecnologia portátil: frequencímetros, GPS e relógios smart

Rastreadores de atividades, pulseiras, óculos, monitores inteligentes e monitores de frequência cardíaca são populares desde sempre, e continuam entre as tendências para este ano. Pensa em desenvolver algum produto deste segmento? Público para consumi-lo você terá, e muito! A tecnologia Wearable é capaz de fornecer informações preciosas sobre os nossos movimentos, postura e comportamento durante determinada atividade.

Os monitores de frequência cardíaca, em particular, também podem entregar informações objetivas sobre o quanto seus alunos estão se esforçando durante uma sessão de exercícios, o que pode ser útil se eles estiverem treinando para estabelecer uma zona de frequência cardíaca específica.

A tecnologia Wearable está indo além dos Fitbits (pulseiras inteligentes) e Apple Watches. O tecido inteligente também está em ascensão, como é o caso da Wereable X. A marca lançou as calças de ioga Nadi X, que oferecem um alerta vibratório ao usuário, incentivando-o a manter o ritmo e postura correta. Um verdadeiro mar azul para investir, não?

3 Ioga

Apesar da ioga se manter na lista de tendências por muitos anos, em 2018 ela ganhou um ponto especial: consistência. A popularidade consolidada da atividade está ligada à constante atualização e reinvenção do exercício - não há escassez de estilos para escolher.

Especialistas creditam à ioga a capacidade de realizar uma profunda limpeza mental, além de proporcionar um eficiente gerenciamento do estresse. Mais do que isso, é um excelente treino para melhorar a flexibilidade e o equilíbrio (importantes para a rotina fitness). Dependendo do estilo, também pode ajudar a construir força muscular e resistência.

4 - Bodyweight: exercício baseado no peso corporal

Repopularizado nos últimos anos graças à sua conveniência, a prática do bodyweight não requer equipamento e nem espaço mínimo necessário. Os exercícios utilizam o peso do próprio corpo de peso e são ótimos para serem praticados a qualquer hora, e em qualquer lugar. São acessíveis, e em sua maioria, para qualquer nível de aluno.

Nosso corpo é, de fato, uma incrível ferramenta de treinamento e resistência. Usar o peso corporal para realizar flexões, agachamentos e abdominais pode ser uma maneira inacreditavelmente desafiadora e eficaz de trabalhar os músculos.

Que tal fazer um desafio semanal com os alunos do seu espaço, propondo série especiais de bodyweight? A competição saudável pode ser um gatilho para manter o interesse e criar uma afinidade muito maior entre seu negócio e os alunos, e até mesmo entre os próprios alunos.

Para deixar a competição ainda mais interessante, proponha um prêmio ao final de um determinado período. Ações como esta não geram custo algum para a sua estrutura (depende apenas do prêmio que você quiser dar) e agregam um valor imenso para a experiência vivida em seu estabelecimento!

5 – Programas para idosos

De acordo com o ACSM, existe um mercado promissor de programas fitness adaptados aos adultos mais velhos. Pessoas que se enquadram na ‘melhor idade’ ou ‘terceira idade’, precisam de uma atenção especial e de séries de exercícios com propósitos vão além do condicionamento físico. Esse público geralmente precisa de atividades que visem o fortalecimento da coluna, por exemplo. 

Independente do objetivo final, permanecer ativo é uma ótima maneira de continuar com a massa óssea e muscular saudáveis, além dos benefícios gerais para a saúde.

Em 2018, devem ser criadas mais classes específicas e direcionadas para os clientes aposentados, e que estejam procurando fazer da disposição uma prioridade.

Você está prestando atenção neste público? Então fica a dica!

6 – ‘Boutique fitness

Estúdios de ‘boutique fitness’ são pequenos ginásios, geralmente de 100 a 300 m², que se especializam em certas áreas do fitness. Eles podem oferecer, por exemplo, aulas de boxe, ciclismo, treinamento funcional ou até balé. Esta especialização permite criar estúdios de maneira minimalista, investindo apenas no equipamento que seus clientes realmente precisam.

Num primeiro momento (dependendo da decoração) esses locais se assemelham a clubes exclusivos, lofts e até mesmo galerias de arte. À medida que aprendem e se concentram na experiência do cliente eles vão, aos poucos, distanciando-se dos modelos de negócio mais tradicionais. Aqui é enfatizado o aspecto social das atividades, ao mesmo tempo em que oferecem exercícios de alta qualidade.

Por ser um serviço premium, a mensalidade desses estúdios possuem um ticket médio alto. No entanto, as pessoas estão mais do que dispostas a pagar caro por uma hora ou um mês de treinamento. Essa clientela sabe que está investindo em exclusividade para ser orientada por profissionais que são referência no mercado.

7 – Treinamento funcional

Ainda de acordo com o ACSM, "a aptidão funcional é definida como uso do treinamento de força para melhorar o equilíbrio, coordenação, energia e resistência; tendo o intuito de aperfeiçoar a habilidade de alguém para as atividades diárias". Por exemplo, o agachamento é um exercício funcional porque trabalha os músculos que você usa para agachar-se, e também pegar o telefone que deixou cair.

Pense que o treinamento funcional oferecido aos seus clientes estará impactando desde o transporte de caixas para uma casa nova, até o arremessar de uma mala no compartimento de cima de um avião. Trata-se de sentir-se forte e capaz em todos os momentos – e não apenas dentro da academia.

E qual  área do mercado fitness deve ser evitada em 2018?

Aqui vale destacar oportunidades de investimento que se apresentam em baixa este ano, também de acordo com a ACSM. O relatório não foi muito específico quanto ao motivo da desvalorização no mercado, mas, pesquisando, encontramos algumas causas prováveis.

Promoção da saúde no local de trabalho - a saúde dos empregados tem sido uma prioridade de empresários a frente de pequenas, médias e grandes empresas. Porém, de um modo geral, os funcionários em posições mais baixas e com problemas de saúde tendem a largar o programa logo no início. A não participação no primeiro estágio - o questionário - é mais comum entre os mais velhos. No segundo estágio – dos workshops – o desinteresse nas ações realizadas pela empresa é liderado pelos mais jovens, bem como aqueles que não estão interessados em realizar grandes mudanças de estilo de vida.

As oportunidades para investir no mercado fitness são muito mais numerosas que os nichos que devemos evitar. Se você pensa em começar um novo negócio ou expandir sua empresa, então estude cada um dos itens apresentados e mãos a obra!

Leia também:

Guia Tecnofit para montar seu box de CrossFit.

Aprenda a atrair alunos para academia em 5 passos.

Interação Fitness
Tecnofit Tecnologia
Tecnofit Tecnologia Seguir

A Tecnofit é responsável pelo desenvolvimento do software online mais moderno e completo para gestão de negócios do segmento Health & Fitness. Fornece sistema de gestão e aplicativos para o gestor e alunos de todo o Brasil.

Ler matéria completa
Indicados para você