[ editar artigo]

Low Pressure Fitness e musculação

Low Pressure Fitness e musculação

 

O ganho de força e tônus muscular auxilia na prática das posturas do LPF, pois níveis adequados de força muscular são necessários para maior controle postural e menor fadiga durante a prática dos abdominais hipopressivos.

Maiores benefícios são alcançados quando o treinamento de LPF é realizado após o treino de musculação por, pelo menos, 15 minutos, com o objetivo de compensar o esforço, alongar o tecido miofascial e, principalmente relaxar, proporcionando bem-estar.

O LPF é um treinamento postural e respiratório de baixa pressão, sendo um estímulo suave (baixa demanda neuromuscular) em oposição à musculação (alta demanda neuromuscular).

O método traz resultados positivos para os treinos de musculação, pois estimula a estabilidade da cintura escapular e coluna vertebral, e alinhamento postural. Trabalhamos com o alongamento do diafragma, o que melhora a capacidade respiratória e trânsito intestinal.

A técnica tonifica os músculos do CORE, dando maior estabilidade lombo pélvica, controle postural, diminuindo a pressão intra abdominal, o que favorece a melhor execução dos movimentos.

Sendo um treinamento neuromiofascial, ou seja, um método de mobilização fascial ativo, ele traz os seguintes benefícios quando incluído na rotina de treino de praticantes de musculação: ​​

ㅤ✅ Aumento da amplitude de movimento; ​​
ㅤ✅ Melhoria na transmissão de forças;
ㅤ✅ Melhora a função muscular ​;
ㅤ✅Auxílio na recuperação da musculatura.

O aprendizado proprioceptivo e postural é a base técnica para posições mais avançadas. Durante o treinamento você aprende posturas básicas, com uma progressão inicial até níveis mais avançados.  

Um estudo realizado em praticantes mais avançados de LPF, encontrou alterações significativas no tempo de apeia expiratória e na frequência respiratória entre a avaliação pré e pós-treinamento de uma única sessão de 20 minutos.

Como é uma atividade hipopressiva em que a frequência e déficit cardíacos são muito baixos, razão pela qual a prática ajuda a diminuir a frequência respiratória, ocorre diminuição nos ciclos respiratórios, o que pode ser devido às respirações controladas estimulando o sistema nervoso parassimpático.

Esse estímulo faz com que a frequência cardíaca e respiratória diminua sendo ideal para o final de uma sessão de exercícios intensos em atletas ou praticantes de atividade física.

Procure um profissional certificado no método e sinta os resultados para a saúde , estética e performance quando se obtém uma fáscia em tensegridade.

Fonte: lpfbrasil.com.br

 

*Os textos produzidos pelo colaborador não expressam, necessariamente, a opinião dos outros participantes da comunidade, sendo 100% de responsabilidade do autor.

Interação Fitness
Luana Franco da Luz Fabiano
Luana Franco da Luz Fabiano Seguir

Fisioterapeuta adepta dos abdominais hipopressivos, certificada internacionalmente pelo método Low Pressure Fitness. Atua também com Pilates e treinamento/reabilitação funcional. Amante dos esportes, incentivadora da saúde e estudante de Nutrição.

Ler conteúdo completo
Indicados para você